sábado, 18 de junho de 2011

Escavar Passado



Por mais que lavamos as mãos depois de escavarmos a terra dos nosso nosso passado, sempre ficam partes impregnadas debaixo de nossas unhas. E elas permanecem, se misturam aos nosso segredos e nos perturbam... Nos inquietam! Nos modificam?

"Depois da última noite de festa/Chorando e esperando amanhecer"
(Camila, Biquini C.)
/Vida pensante na madrugada!

Vamos Viver!

Forte Abraço,
Diogo G. Brandão

Nenhum comentário:

Postar um comentário